Relação entre benefícios e aumento da produtividade/felicidade do colaborador

Já não é novidade que a relação das pessoas com o trabalho tem mudado nos últimos anos. Não apenas temos novas formas de trabalhar, como o jeito de pensar em trabalho já não é mais o mesmo. Hoje, ter apenas um bom salário não é tudo: as pessoas querem trabalhar por um propósito e ter flexibilidade em busca de mais qualidade de vida.

Nesse cenário, se as empresas querem continuar atraindo e retendo as melhores pessoas, é fundamental se adaptarem. Além de proporcionar um ambiente corporativo saudável, boas relações interpessoais e plano de carreira, existe um fator que tem se mostrado fundamental no aumento do engajamento do colaborador no trabalho: benefícios.

Diversas pesquisas analisam a relação dos benefícios oferecidos com engajamento e produtividade. Um estudo da Universidade de Warwick, no Reino Unido, mostrou que colaboradores mais felizes são 12% mais produtivos, enquanto o relatório Employee Benefits de 2018 da SHRM apontou que os benefícios são fundamentais para 92% dos colaboradores. Mas não acaba aí: uma pesquisa realizada pela MetLife com colaboradores brasileiros mostrou que 61% dos entrevistados consideram extremamente importante a possibilidade de customizar benefícios conforme suas necessidades. Ou seja, a flexibilidade é um requerimento não apenas com relação aos horários ou local de trabalho, como também na escolha de benefícios. Por fim, a pesquisa Employee Happiness Index 2019, publicada pela Benify, concluiu que a satisfação com os benefícios oferecidos melhora o engajamento com o trabalho. Vejamos o porquê:

Aumenta a produtividade e o engajamento

Estresse e outros problemas pessoais podem impactar diretamente o desempenho do colaborador e, consequentemente, prejudicar a empresa. Vamos a alguns dados: em pesquisa feita pela PwC em 2019, colaboradores ao serem questionados sobre o fator que mais causa estresse em suas vidas, responderam que 59% das vezes são “problemas financeiros”. Isso não é de se espantar, uma vez que gestão financeira não é matéria curricular, e as alternativas de crédito mais comuns são extremamente caras. Ainda nessa mesma pesquisa, 49% apontam ter dificuldades em pagar todas as contas no final do mês, e 35% admitem que seus problemas financeiros são realmente uma distração no trabalho. Pior do que isso, metade dessas pessoas dizem que perdem três horas ou mais por semana pensando em como resolver esses problemas financeiros. Por fim, 28% acredita ter reservas insuficientes em caso de alguma despesa emergencial, o que gera desconforto e aumenta o estresse e insegurança. A partir disso, ficam evidentes os motivos externos que afetam a produtividade.

Mais do que nunca, proporcionar melhores alternativas em segurança para o colaborador e melhorar sua qualidade de vida garantem mais motivação, foco e qualidade nas entregas. Além disso, um time que se sente valorizado se compromete mais com as metas e desafios da empresa, melhorando o clima interno e os relacionamentos com clientes e usuários.

Reduz a rotatividade

O turnover indica os níveis de substituição de funcionários antigos por novos, fator que pode revelar a capacidade da empresa em ser atrativa para reter colaboradores, sendo a alta rotatividade de pessoas um grande problema para gestores e para o RH, já que implica em gastos com os desligamentos e novas contratações. 

Para evitar esse problema, a oferta de benefícios adequados à necessidade dos colaboradores é uma saída. Uma pesquisa da MetLife revela que 61% dos colaboradores entrevistados consideram que benefícios customizáveis são um fator importante ao tomar a decisão de aceitar um novo emprego. Já relacionado ao tópico anterior, 52% dizem que um programa de bem-estar financeiro seria um ponto importante ao avaliar uma proposta, além de aumentar consideravelmente a lealdade àquele trabalho.

Como escolher quais benefícios oferecer?

Mas não adianta oferecer o que o colaborador não está buscando. Nessa hora, é importante ouvir o que eles dizem para compreender o que realmente precisam. Segundo uma pesquisa feita pelo Núcleo de Estudos da Sodexo, alguns dos benefícios mais valorizados e buscados pelos profissionais e que pesam na contratação são:

  • Plano de saúde
  • Plano odontológico
  • Benefícios financeiros
  • Descontos e parcerias
  • Previdência privada

Quanto aos benefícios financeiros, existem várias opções novas que estão se tornando cada vez mais desejadas – como a antecipação do salário e crédito consignado. Como mostramos anteriormente, o importante é prover alternativas que tragam segurança e bem-estar ao colaborador, permitindo que ele foque no que realmente importa.

E como contratar pacotes de benefícios para minha empresa?

Pode relaxar: a WORK te ajuda nessa missão. A WORK foi criada com um propósito: deixar as pessoas mais felizes nos seus trabalhos. E é provendo os benefícios certos para aqueles que dificilmente teriam acesso sem nós, que cumprimos nossa missão. Com a WORK, todos os seus colaboradores poderão contratar as melhores opções em planos de saúde, seguros de vida, contabilidade, bem-estar financeiro e diversos outros serviços disponíveis – tudo isso da forma mais prática possível: sem burocracias e com a flexibilidade tão desejada.

Interessante, né? Entre em contato com a gente para conhecer todas as vantagens em ser WORKer.